Destacado

Eu

d5694f_PR140110036p

A prosa sempre foi a vertente da poesia que mais me atrai. Escrevo desde que aprendi a ler e escrever , principalmente quando descobri a magia da poesia.

Os versos imberbes da infância deram lugar aos sofrimentos da paixão adolescente e finalmente cederam a vaga a realidade adulta.

Sou um poeta sem ser poeta, sem métricas ou rimas, cheio de saudades e triste como muitos poetas são.

Tenho inúmeras poesias espalhadas com muitas pessoas que merecem te-las, em minha posse tenho umas mil, mas a cada dia nasce uma nova, seja de alegria, tristeza, dor ou paz, nenhuma perfeita mas todas sinceras.

São letras, frases, poesia.

O fundo da minha tela do smartphone é branco, as letras são pretas, assim como as poesias que tanto escrevi em papel branco e canetas BIC pretas (confesso que algumas eram azul) mas no final sempre serão Poemas em Preto e Branco.

       Milton Cesar 

Meu grande pecado

Você é a Razão 49/50

e58c5c0dbb17f4ebb0898b7d148a423b

Meu grande pecado é achar que o perdão resolve tudo

Quando na verdade sempre fica um resquício de mágoa

Profunda mágoa que vai acumulando no fundo do aquário…

Daquele tipo que não ouso tocar

Não ouso mexer com medo de turvar toda a água

Matar o peixe…

Então vamos nos esquecendo

Nadando em meio a tudo isso

Tentando fingir que nada aconteceu

Sem coragem de falar…

Pra quê?

Para se ter um, dois ou dez dias de paz?

Meu pecado é tentar fazer de conta que o silêncio é mais forte que a dor…

Que andar pisando em ovos é normal…

Que não existem ressentimentos mal resolvidos

Que tudo pode ser dito apenas no olhar

Quando não nos olhamos nos olhos…

Ah, se a paz fosse feita no calar-se

Tudo seria tão simples…

Tão tolo até…

Mas tão indolor…

Meu pecado é estar aqui agora

Perdoando…

Amar como eu amo…

E querer que apenas isso seja tudo

Quando na verdade é só uma parte

Importante…

Mas ainda assim uma parte…

Meu pecado é tentar fazer de conta que o silêncio é mais forte que a dor…

Que não existem ressentimentos mal resolvidos

Que tudo pode ser dito apenas no olhar

Quando não nos olhamos nos olhos…

azul-e1514503753234

Encontrei você em forma de poesia

Você é a Razão 48/50

Espero por ti enquanto reinvento poemas que toquem o teu coração, na esperança de que também sintas saudades minhas. (Poetizando Sonhos)

fdf9e427f94cda6467a183c5daacb864

Em meio a poeira de cadernos abandonados em caixas esquecidas

(Mas nunca jogadas fora)

Encontrei você em forma de poesia

Quando achei que já tinha te perdido…

Você que nem sequer foi minha

A não ser em meus sonhos

Em desejos que nunca te foram declarados…

Em beijos que fiquei só na vontade

A poesia falava de ter você

E começava tão bregamente emocionada:

“Mulher que amo tanto

Dona da minha vida

Senhora dos meus sonhos

Amor da minha vida…”

E seguia me declarando teu…

“A cada dia em que fico longe

É como se me faltasse o ar

Você é a razão do meu viver

Mesmo que insistas em não notar…”

Versos imberbes de menino apaixonado

Que só agora percebo que nunca me declarei

Deixei que a amizade florescesse

E perdi a chance de te amar…

Só agora percebi

Que o que escrevi ainda vale:

“,,,Acima de tudo quero a tua felicidade

Pois cada sorriso teu

É razão para os meus…”

Mas você partiu sem mim…

A tantos anos que quase me esqueci

Me lembrei apenas na poeira desta carta

Redescobri seu nome

Mas não lembro direito do teu rosto

As lembranças são vagas

Mas o coração ainda bateu forte

Será que você se lembra de mim?

A carta-poesia prometia:

“… Jamais te esquecerei

Te amarei eternamente

Ao teu lado viverei…”

Promessas encaixotadas

Guardadas em caixas quase esquecidas…

Encontrei você em forma de poesia

Quando achei que já tinha te perdido…

Você que nem sequer foi minha

A não ser em meus sonhos

azul-e1514503753234

 

 

instagram-1581266_960_720
https://www.instagram.com/poemas_em_preto_e_branco/

 

images
https://twitter.com/PoemasPreto

 

 

 

 

 

F-fb
https://www.facebook.com/poemasempretoebranco/

Meus versos silenciosos

Você é a Razão 47/50

Cris Viana 2

Não me ensinaram que cada lágrima minha seria de dor

Nem me contaram onde desligar a emoção e não amar

Não sabia que mesmo de olhos fechados

Poderia me apaixonar em um beijo

Não queria nada disso

Mas quem manda não sou eu

É meu coração

E ele é fraco…

Por isso entrega-se a ti…

querendo a todo custo que seja mais que paixão…

E eu que queria te cantar em verso e prosa…

Gritar aos quatro cantos a descoberta do amor…

Mas bem fiz meus versos silenciosos

Velados até que o sol mostrasse sua luz…

Então não fui surpreendido

Pois só se surpreende quem não espera

Ou quer algo diferente do que é comum

Mas uma vez fui carregado de volta a solidão da noite…

Das promessas que não se concretizaram

De um amor que nem sequer floresceu

Ainda assim vale a pena saber

Que as lembranças são perpétuas…

Aqui estou eu novamente…

Neste lugar que sempre foi meu…

Sozinho…

azul-e1514503753234

 

 

 

 

instagram-1581266_960_720
https://www.instagram.com/poemas_em_preto_e_branco/

 

images
https://twitter.com/PoemasPreto

 

 

 

 

 

F-fb
https://www.facebook.com/poemasempretoebranco/

Enxergar beleza em tantos recantos

Você é a razão – 46/50

 

2019-11-04 20.15.09

Ó vida que me destes tão bons olhos

Para poder enxergar beleza em tantos recantos

E poder ler cada belo verso

De tantas poesias diversas…

E assim emocionar-se muitas vezes banhando estes olhos em lágrimas

Ó vida que me concedestes o dom de escrever

Não a escrita perfeita

Mas a que me cabe e vem do coração

Nesta ousadia minha de ter-me como poeta

E arriscar doar ao mundo tão imperfeitos versos…

Ó vida que me permite ter um coração

Que bate excitado ao sentir a força de uma canção

Poesia em melodias

Sejam de romances ou não…

Letras de poetas compositores

Ou poesia instrumental…

Tudo é poema

Tudo é emoção…

Ó esta vida que me fizeste sensível

Ao canto dos pássaros

Ao silêncio das borboletas…

Mas também me traz a fúria de vários sentimentos

Mesclados a momentos onde só sei rir, gritar, chorar

Amar…

Odiar…

Ou apenas ficar absorto em meu canto

Talvez até absolto pelo que deixei de fazer…

Vou vivendo a cada dia que nasce

Agradecendo pela oportunidade

De dizer que vivi mais um dia

Que aprendi o que não sabia

De continuar aquele livro que gostei tanto…

De escrever meus versos tortos

De me encantar com cada poetisa, com cada poeta

Com cada poema

Com cada reflexão…

Ó vida que me ilumina com a sabedoria de saber ler

A graça de poder escrever

A oportunidade de me apaixonar

E sonhar em não sofrer…

Não sou o aventureiro que escala montanhas

Ou mergulha com tubarões…

Sou apenas um pretenso poeta…

Que sangra como bilhões…

Mas sou único, impar, sem igual…

Como bilhões…

Ó vida que me destes bons ouvidos

Que me destes bons olhos

E me concedeste a voz

E acima de tudo me deste um cérebro

Para entender que sem a poesia…

… eu não saberia viver…

azul-e1514503753234

 

 

 

https://maisquediferente.wordpress.com

 

instagram-1581266_960_720
https://www.instagram.com/poemas_em_preto_e_branco/

 

images
https://twitter.com/PoemasPreto

 

 

 

 

 

F-fb
https://www.facebook.com/poemasempretoebranco/

Uma de nossas canções

Você é a razão – 45/50

Cris Viana
atriz Cris Viana (imagem Instagram)

Ontem escutei uma de nossas canções
Que declamava em versos simples
Tantas e tantas emoções.
Um pouco de nostalgia voltou
Foi como sentir o teu primeiro beijo
Foi com escutar a tua voz
Sentir o teu cheiro.
Tocar o seu corpo.
A cada nova estrofe
A cada refrão
Lembrei de como tudo começou
De como tudo acabou
E de como tudo renasceu
Ou ainda melhor
Jamais morreu.
Ontem escutei a nossa canção
Não posso negar que chorei
Escondidinho no meu quarto
Baixinho pra não ser notado,
Mas chorei.
Não chorei só de saudade
Não chorei de arrependimento
Chorei de vontade de te ver.
De te beijar, te abraçar,
Acordar nos seus braços.
Chorei por ter a certeza
De que sempre te amei
E sempre vou te amar.
E a canção cantando assim:
Foram tantas coisas boas não posso te esquecer, o meu coração coitado nem pensa em te perder, por isso não estrague o sonho, e trate de voltar pra mim
volta que eu te amo baby, não foge mais de mim (volta sim) que eu te chamo baby, fica perto de mim (volta sim), volta que eu te amo baby, eu te amo mesmo assim…

azul-e1514503753234

Me aquecer em você

Você é a razão – 44/50

0a6c706124412b710d2f21894e2bcbce

As manhãs serão frias
As tardes também
… e as noites gélidas
sem a companhia de alguém
O inverno é romântico
Tempo de estar acompanhado
De aquecer o corpo
Junto a pessoa amada
… beijos quentes…
… abraços de verão…
E o amor feito
Incendeia a emoção
Dias cinzas
Vento cortante
Como a saudade
Na lembrança de quem não pode estar aqui
É só por um momento
Depois será pra sempre
Recordei de que me aqueci nos teus braços
Num inverno distante
Logo depois que te conheci
Paixão nascida no frio
Que aqueceu nossos corações
Mas hoje sinto só o frio
Sem poder…
Mas desejando muito
Me aquecer em você.

Você é a estrela que completa o céu noturno dos poetas

Que rivaliza com a lua

Que inspira o amor

Você é dona das ondas do mar

Dona da brisa refrescante dos oceanos

Você tem a maior beleza do mundo

Impossível de ser traduzida em uma pintura

Você é a razão do viver deste ser

Que distante me enche de saudades

E que perto não posso tocar

Razão de muitos sonhos

Saudade de muitos beijos

Prazer que nunca mais senti

azul-e1514503753234

 

 

Realistas demais?

Você é a razão – 43/50

9cf2edc616c5c65ae49e5fe33a8733f8 - Copia

Me perdoe se meus versos não são de uma beleza impar

E toda a métrica se resuma a tristeza

Mas é o sentimento que me cabe

…e nele vejo muita beleza…

Formosura de frases soltas

Formando meus versos imberbes de paixão

Que mesclam cada fase minha

Com outras emoções

Já chorei o choro dos desesperados

As lágrimas da saudade

Olhos que lacrimejaram pela certeza do melhor caminho

Talvez sejam momentos

Que já não deixaram nem sombras de lembranças

Mas são sempre versos…

Meus poemas são tristes

Ou talvez sejam apenas realistas demais…

azul-e1514503753234